Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dicere Aude

Ousa dizê-lo, ousa partilhá-lo! Não porque pretendo incendiar o mundo, mas porque pretendo deixar o meu coração incendiar-se.. e lentamente deixar fluir um pouco por palavras aquilo que me vai dentro, no pensamento e no coração! Escrever é isso!

Dicere Aude

Ousa dizê-lo, ousa partilhá-lo! Não porque pretendo incendiar o mundo, mas porque pretendo deixar o meu coração incendiar-se.. e lentamente deixar fluir um pouco por palavras aquilo que me vai dentro, no pensamento e no coração! Escrever é isso!

sou poeta...

“Eu canto porque o instante existe

E a minha vida está completa

Não sou alegre nem triste

                                                                                                       Sou poeta.”

                                                                                                    Cecília Meireles

 

Sou poeta porque sim

Porque não pertenço a este mundo

Porque sei que tudo,

Simplesmente não tem fim

 

Sou poeta porque sei que a vida

Vai muito para além deste mundo

Porque deste mundo não sou

Porque sei de onde venho

E que é para aonde vou

 

Sou poeta porque o mundo percorri

E de casa não saí

Porque faço das palavras

Meu alimento, meu sustento

 

Sou poeta porque a vida é aqui

E é agora

Porque é nesta hora

Que se faz todo o bem

E vive-se o além

 

Sou poeta porque meus sonhos vivo e viverei

Porque meus pesadelos ultrapassei

Porque aqui marcas deixarei

 

Sou poeta porque canto a vida

Porque vivo a canção

E todo o meu coração

Transborda de melodias

E me faz cantar de alegria

 

Sou poeta,

Não porque rimo as palavras

Mas porque a vida eu rimo

E sinto no meu íntimo

Toda as belezas

 

Sou poeta porque o amor existe

Porque o sonho não tem fim

Porque a fé consiste

E me alegro em mim

 

Sou poeta porque sou

Porque a “palavra é”

Porque a Palavra fez-se encarnação

Fez-se vida, fez-se morte e ressurreição

E jorrou vida em abundância…

 

 

Jocilene Lima, poema dos meus 15 anos